Nos sabemos que para realizar a maioria dos trabalhos nós precisamos de energia. Essa energia pode ser luz, calor, barulho ou outras coisas. Felizmente, essas coisas não ficam soltas por aí, mas armazenadas em substâncias e resevatórios. Através de certas reações, nós podemos liberar essa energia armazenada e utilizá-la. Se você acende uma fogueira, você está fazendo o oxigênio do ar reagir com o carbono da fogueira e liberar o gás carbônico e energia na forma de luz e calor.

É claro que é meio difícil acender fogueiras dentro de nós, mas é possível realizar a combustão (queima) de algumas substâncias e obter energia através disso. Para realizar este trabalho, nossas células tem uma organela chamada mitocôndria. A mitocôndria vai trabalhar os "combustíveis" (principalmente açúcares) e retirar a maior parte da energia deles.

Essa energia é armazenada na forma de ATP (adenosina trifosfato) que vai ser como um reservatório da energia. Esse ATP pode então ir até um certo local e liberar a energia nele armazenada.

Saiba mais sobre o ATP na página transporte ativo.

As mitocôndrias parecem um amendoím, tendo dentro de si uma membrana altamente pragueada (dobrada) formando o que chamamos de cristas mitocondriais. Entre as cristas existe um líquido chamado de matriz.

O Corpo Humano .com.br - Manuel S. - Melhor visualizado em resolução 800x600