Os ribossomos são básicamente produtores de proteínas. Eles são organóides não membranosos, ou seja, não existe uma membrana envolvendo os ribossomos.

Os ribossomos são encontrados de diversas maneiras:
-
livres e dispersos pelo hialoplasma (líquido existente na célula: um dos componentes do citoplasma);
-
presos uns aos outros por um fita de RNA (do inglês RiboNucleic Acid) formando polissomos (também chamados de polirribossomos);
- aderidos às paredes do retículo endoplasmático.

O ribossomo é formado principalmente por RNA ribossômico (mais ou menos 60% da massa total) e cerca de 50 tipos diferentes de proteínas. Ele é formado por duas peças, uma mais pesada e outra mais leve.

As proteínas produzidas pelo polirribossomos (aquele filamento de ribossomos ligados pela fita de RNA) geralmente permanecem dentro da célula para uso interno, já as enzimas (um tipo de proteína) que serão expelidas são produzidas pelos ribossomos aderidos à parede do retículo endoplasmático, as enzimas são jogadas para dentro dele, transportadas e armazenadas em vesículas são transferidas para o complexo de golgi, onde são "empacotadas" e enviadas para fora da célula. Não entendeu? Visite a página sobre o retículo endoplasmático e o complexo de golgi.

O Corpo Humano .com.br - Manuel S. - Melhor visualizado em resolução 800x600